Out of home (OOH): entenda o que é, quais suas vantagens e como implementar

O que é mídia out of home?

A mídia out of home é o nome usado para conceituar todas as peças de publicidade que atingem o público fora de suas casas. Ou seja, durante seu trajeto para o trabalho, no transporte público, em shoppings, enfim… a mídia OOH é parte da arquitetura urbana. 

Para imaginar o que é OOH não é preciso procurar muito, um dos lugares mais famosos do mundo – a Times Square, em Nova York – é conhecido por ter dezenas de painéis digitais funcionando todos os dias, durante 24 horas. 

Esse foi um formato de mídia que começou fora do digital, ou seja, os cartazes e banners costumavam ser impressos – e até hoje não é difícil encontrar exemplos de mídia out of home do tipo. 

O que aconteceu nos últimos anos foi que essa categoria se digitalizou. Sendo assim, cada vez mais empresas passaram a investir em soluções OOH digitais e, em alguns casos, interativas. Interessante, não acha? 

Digital ou não, a verdade é que este é um formato ainda muito popular… 

Uma pesquisa realizada em 2019 pela Kantar Ibope mostra que a mídia out of home atinge cerca de 87% dos brasileiros, sendo também a segunda mídia mais lembrada por 5 das 6 principais gerações (Alpha, Z, Millennials, X, Baby Boomers e Silenciosa). 

Quais as vantagens da mídia OOH? 

O que uma empresa que investe na mídia out of home pode esperar em retorno? A seguir, vamos falar sobre algumas das vantagens desse formato, confira…  

1. Alto alcance

Campanhas de mídia OOH, usualmente, têm um alto alcance. Isso acontece porque, seja qual for o formato escolhido – banner, cartaz, mídia interativa, etc – ele é posicionado em lugares de grande visibilidade e movimentação de pessoas. 

2. Grande poder de impacto

Nós sempre falamos sobre a importância do marketing de conteúdo aqui no blog do Ecommerce na Prática, afinal, essa é uma boa maneira de atingir uma parcela segmentada do seu público. 

Apesar disso, é inegável que hoje existe um excesso de informações dentro dos dispositivos. Praticamente todas as redes sociais e plataformas oferecem algum tipo de posicionamento patrocinado.

Isso faz com que muitos usuários recorram a bloqueadores de anúncios para navegar em seus dispositivos. 

Em uma mídia OOH, no entanto, isso não é possível. 

Nesse contexto, os anúncios out of home podem gerar um grande impacto nos usuários, sendo ainda mais eficientes para passar a mensagem da sua empresa. 

3. Eficiente para divulgação em massa ou segmentada

Nós falamos acima sobre como a mídia out of home é vantajosa pelo seu alcance. Mas não pense que este alcance é menos qualificado… com algumas ferramentas, hoje é possível fazer campanhas OOH com alto grau de segmentação, o que facilita o contato da sua empresa com a persona.

Muitas empresas que gerenciam espaços de OOH têm informações sobre o fluxo de pessoas, seu perfil de consumo, melhores horários para veiculação e muito mais. 

4. Bom custo-benefício

Muitas empresas evitam usar a mídia out of home por pensarem que esta é uma estratégia cara. Esse não é um dos posicionamentos mais baratos que existem, temos que admitir, mas o seu retorno costuma ser muito bom! 

Dados da Forbes mostram que para cada US$ 1 investido em mídia out of home, o retorno fica por volta de US$ 5,97. Nada mal para um ROI, certo?

Os principais formatos de mídia out of home (OOH)

Bom, agora que você já sabe o que é OOH e quais são suas principais vantagens, vamos te mostrar também os principais formatos que podem ser utilizados dentro dessa estratégia.

Veja só: 

Formatos mais usados

  • Outdoor: muito observado em avenidas e ruas de grande movimentação. Os outdoors são aqueles painéis de madeira ou lona, que podem ser ou não iluminados;
  • Pôster: os pôsteres também podem ser de madeira, lona, ou impressos em papel. Eles podem ser vistos em fachadas de comércios; 
  • Busdoor: estes são os anúncios fixados na traseira dos ônibus ou, em alguns casos, em televisões no espaço interno do veículo;
  • Backlight: o formato backlight se assemelha bastante ao outdoor, mas conta com iluminação interna e é feito especialmente para anúncios impressos em material translúcido. Essa é uma boa opção para ambientes noturnos.

Formatos menos usados

  • Empena: esses são espaços reservados nas paredes laterais de prédios sem janela. Eles são comuns em grandes centros urbanos, mas alguns municípios proíbem a sua utilização;
  • Mídia de projeção: esse formato funciona com um grande projetor e não requer nenhuma impressão. Usualmente, as projeções são feitas em fachadas de prédios ou superfícies planas. Especialmente útil para campanhas de sustentabilidade;
  • Painel digital: os painéis digitais são grandes outdoors feitos em tela LED. Esse é um formato mais caro, mas que chama bastante atenção; 
  • Painel interativo: são painéis que podem variar de tamanho e podem ser posicionados em diferentes locações. O intuito é proporcionar algum tipo de interação com o usuário ou com o ambiente. 

Como mensurar o sucesso de uma mídia out of home? 

Uma grande preocupação das empresas que desejam investir em mídia OOH é como medir o sucesso das campanhas. 

Afinal, uma campanha OOH não é como aquelas que são realizadas dentro de ferramentas como o Google Ads ou Facebook Ads, que mostram até mesmo os menores detalhes sobre os resultados da veiculação. 

Isso não quer dizer, no entanto, que a mídia OOH não pode ser mensurada. Aqui vão alguns elementos que podem ser medidos durante uma campanha desse tipo: 

1. Alcance

É comum que, não apenas as empresas de OOH, mas também os municípios tenham dados estatísticos para comprovar o fluxo de pessoas que passam por determinado lugar todos os dias. 

Essas informações podem ser usadas para determinar o alcance que uma campanha de mídia out of home teria se posicionada em lugares específicos. 

Em alguns casos, a empresa pode ir além e oferecer também a opção de monitorar a interação com os anúncios por meio de câmeras e aparelhos que detectam dispositivos Wi-Fi. 

2. Engajamento com páginas

Outra forma de mensurar a eficácia de iniciativas do tipo é criando páginas específicas para a campanha. É possível, por exemplo, colocar um QR Code no outdoor, convidando as pessoas a visitarem o site, suas redes sociais ou qualquer outra página que você desejar. 

Então, com ferramentas de monitoramento como o Google Analytics, você consegue rastrear a origem daqueles visitantes, determinando quantos deles vieram de uma mídia OOH. 

Leia também: O que é realidade aumentada e como aplicá-la no seu Ecommerce

3. Cobertura geográfica

Esse é um indicador importante, sobretudo para campanhas que acontecem em formatos itinerantes, como o busdoor. Dessa forma, você pode mensurar a distância que o seu anúncio percorreu, impactando pessoas de diferentes espaços geográficos. 

É possível combinar a OOH com o marketing digital?

Sim, com certeza! A mídia out of home pode ter sido sinônimo de um posicionamento “analógico” por muito tempo, mas hoje até mesmo as maiores empresas de tecnologia do mundo investem em campanhas do tipo… 

Um exemplo disso foi a estreia do Google no maior monitor digital do mundo, instalado na Times Square e inaugurado em 2014. Se uma das empresas mais consolidadas na internet investe em uma mídia considerada tradicional, vale a pena investigar os motivos por trás dessa decisão, certo? 

A grande verdade é que os anúncios OOH podem ser grandes aliados de uma estratégia de divulgação mais ampla, que une os mundos digital e físico. O importante é ter criatividade para usar o máximo desse posicionamento! 

Dicas para fazer uma campanha OOH de sucesso 

Agora que você conhece um pouco mais sobre esse tipo de campanha e como ela pode ser usada, queremos deixar algumas dicas que podem ser interessantes caso você esteja planejando investir em mídias out of home. 

Em linhas gerais, você deve seguir essas boas práticas para ter uma campanha OOH de sucesso: 

  • Defina uma mensagem simples, sucinta e de fácil entendimento. As pessoas estão apenas passando pelo seu anúncio e dificilmente vão absorver mensagens complexas;
  • Use fontes grandes, com fundo de alto contraste. Isso facilita a leitura e diminui o tempo que o usuário vai levar para absorver a mensagem;
  • Siga as regras da cidade ou local de veiculação. Alguns espaços têm restrições quanto à veiculação de mídias out of home, portanto, esteja atento a isso antes de investir em um espaço;
  • Use sua criatividade. Não tenha medo de explorar cores e formas diferentes, investir em animações, vídeos ou outros tipos de recursos visuais. O tempo que você tem para chamar a atenção do público é curto; 
  • Pense em um CTA atrativo, se precisar. Essa é uma característica de campanhas digitais, mas nada impede que você use uma Call to Action em uma mídia OOH. Frases curtas funcionam melhor. 

Seguindo essas dicas, temos certeza de que o uso desse posicionamento vai ser muito interessante para sua empresa! 

Exemplos de mídia out of home (OOH)

Para finalizar, queremos te mostrar alguns exemplos de mídia OOH que podem ser de grande inspiração para sua empresa.

Como você vai notar, muitos deles unem com maestria os mundos digital e físico, criando uma experiência ainda mais interessante para aqueles que observam os anúncios. 

Nosso intuito é mostrar como até mesmo os conceitos mais simples podem fazer diferença na prática. 

1. Spotify

Alguns anos atrás, o Spotify – empresa sueca de streaming de música – fez uma campanha OOH que englobou 14 países.  A ideia era usar outdoors simples mas que continham mensagens divertidas revelando alguns dos mais engraçados hábitos musicais de seus assinantes. 

Esse é um excelente exemplo de como o data driven marketing – ou seja, o marketing guiado por dados – pode ajudar empresas a criar mensagens e campanhas realmente instigantes.

2. Netflix

A Netflix é um grande exemplo de empresa digital que investe pesado em campanhas OOH. Uma das suas iniciativas mais famosas foi a GIF Campaign, que usou painéis digitais para mostrar GIFs de séries e filmes originais do serviço de streaming. 

A grande sacada era que os GIFs mudavam de acordo com o período do dia, dia da semana e o que acontecia na cidade. 

Às sextas, por exemplo, eram veiculadas imagens bem-humoradas, relacionadas ao fim de semana. Enquanto durante as chuvas, as imagens eram trocadas por cenas onde chovia. 

Foram mais de 100 GIFs preparados para as mais diversas ocasiões. Um baita jeito de engajar o cliente e chamar a sua atenção, não acha? 

3. Coca-Cola

A Coca-Cola é uma grande referência de campanhas out of home. Para comunicar o lançamento de um novo produto – a latinha de refrigerante de tamanho menor – a empresa criou um mini quiosque, com vendedor e tudo! 

Faça campanhas incríveis, dentro e fora do mundo digital! 

Neste artigo te mostramos todas as particularidades das campanhas out of home e ainda demos alguns exemplos de empresas que se destacaram ao usar este tradicional posicionamento de anúncios. 

Precisamos destacar, no entanto, que existem muitas outras opções para aqueles que desejam fazer anúncios, alcançar mais clientes e aumentar vendas. 

E, para te ajudar a dominar todos esses tópicos, foi que criamos a assinatura Ecommerce na Prática

Com ela, você tem acesso ao nosso arsenal de cursos e treinamentos completos sobre os mais variados temas, incluindo tráfego para Ecommerce, campanhas e mais. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima